quinta-feira, 4 de abril de 2013

Clipping: AIC apresenta propostas em audiência sobre Lei Orgânica Municipal

Do Jornal Online Terceira Via
Link do local original de punlicação: http://www.jornalterceiravia.com.br/noticias/politica/18558/nova_lei_organica_municipal_comeca_a_ser_discutida


Data: 04/04/2013 - 12:15:54
Nova Lei Orgânica Municipal começa a ser discutida
As sugestões começaram a ser apresentadas na primeira audiência pública, nesta quinta-feira

A primeira Audiência Pública para as alterações na nova Lei Orgânica de Campos aconteceu na manhã desta quinta-feira (4 de abril). Apesar de haver mais de 20 inscritos para apresentar propostas, entre eles representantes de entidades, pessoas físicas e autoridades, menos da metade compareceu à sessão.

Representando a Associação de Imprensa Campista (AIC), o presidente da instituição, Vitor Menezes, apresentou propostas de alterações nas áreas de comunicação e de cultura. Estavam inclusos na proposta  projetos de acesso gratuito a internet para toda a população, a criação de um Conselho Municipal de Comunicação, além de ações voltadas para os patrimônios históricos e culturais da cidade.

“Sabemos que é perfeitamente possível estabelecer melhorias para as áreas da comunicação e cultura na cidade. Entendemos que a internet é um importante meio de acesso à informação, cultura e entretenimento. Portanto, com a internet rápida e gratuita disponível, as gerações futuras terão a oportunidade de se informar, inclusive no que tange à transparência das contas públicas”, sugeriu Vitor.

O subsecretário municipal de serviços públicos, Carlos Morales, apresentou propostas que visam ao investimento na reciclagem dos mais variados tipos de lixo. “O Brasil produz cerca de 240 mil toneladas de lixo por dia. É necessário que comecemos a pensar, desde já, no fim que o nosso lixo está levando. Atualmente, o lixo não pode ser chamado de lixo, mas de riqueza. Além de preservar o meio ambiente, o processo de reciclagem também gera riquezas”, afirmou Morales, entregando as sugestões previstas para a área ao presidente da Câmara, Jorge Rangel.

A atual Lei Orgânica existe há mais de 20 anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget