quinta-feira, 18 de abril de 2013

AIC repudia demissão de jornalista da Inter TV

A Associação de Imprensa Campista repudia com veemência a demissão do jornalista Luiz Gonzaga Neto, que até a última terça-feira (16/04/13) respondia pela edição e apresentação da edição noturna do jornal local da Inter TV e trabalhava há quatro anos na empresa.

Há consistentes evidências de que a demissão foi motivada pela veiculação de matéria que mostrou o fato de a Prefeitura de Campos dos Goytacazes adquirir de uma empresa privada, por meio de licitação, materiais didáticos que são oferecidos pelo Ministério da Educação (MEC).

Antes mesmo de a matéria ter ido para o ar, na noite da segunda-feira (15/04/13), houve reunião entre representantes da Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Campos e a direção da Inter TV, onde a pauta foi discutida, sem a presença do jornalista.

No dia seguinte à exibição, na terça-feira (16/04/13), outra reunião entre a direção da TV e a Secom de Campos foi realizada, também sem a presença do jornalista. Na edição da noite da própria terça-feira, uma longa nota de resposta feita pela Secom foi lida pelo apresentador, que, em seguida, fez o comentário editorial de que, em resumo, o material escolar era fornecido pelo MEC, mas a Prefeitura de Campos havia escolhido fornecer outro de melhor qualidade aos alunos da rede pública.

Na quarta-feira (17/04/13), o jornalista foi demitido, sem nenhuma justificativa formal por parte da empresa.

A Associação de Imprensa Campista vai enviar ofícios para a direção da Inter TV e para a Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Campos dos Goytacazes para cobrar explicações sobre a demissão.

Na tarde de hoje, os VTs com a matéria e a nota de resposta da Prefeitura de Campos não estavam mais disponíveis no Portal G1.

A AIC entende que veículos de comunicação que prezam pela prática de um jornalismo de qualidade não podem se dobrar diante de pressões de fontes que são alvos de denúncias, muito especialmente quando estas fontes são do poder público. O papel de cobrar, e até mesmo a liberdade de opinar, são garantias constitucionais inegociáveis.

A entidade manifesta ainda toda a sua solidariedade ao jornalista Luiz de Gonzaga Neto e se coloca à disposição da categoria e da sociedade para prosseguir no debate e no acompanhamento deste caso.

Campos dos Goytacazes, 18 de Abril de 2013

Diretoria da AIC

8 comentários:

  1. Lamentável que esse tipo de atitude ainda exista.

    ResponderExcluir
  2. Lamentável mesmo se realmente a demissão tiver sido por conta de uma matéria. Absurdo. Eu trabalhei nesta casa, inclusive com o Luiz e nunca tive minha liberdade cerceada. Se isso aconteceu é um retrocesso. Uma pena. Luiz tem todo o meio apoio, é um homem correto e um ótimo colega de trabalho. Vitor obrigada pela disposição em nos defender e nos liderar. É sempre bom saber que posso contar com um líder como você. Obrigada.

    ResponderExcluir
  3. A Prefeitura de Campos gastou 10 milhões em livros quando tinha livros de graça oferecidos pelo Governo Federal! Aí tem esqueletos dentro do armário... E o pobre do apresentador que deu a notícia vai para a rua? Ué a pauta é da Tv e não do apresentador! A safadeza do ato da compra não é dele e sim de quem gastou 10 Milhões à toa!!! Toda a sociedade campista deve repudiar essa tentativa de calar a imprensa, pois isso é a ditatura do poder usando dos meios mais escusos possíveis! Que democracia é essa, que tentam amordaçar a imprensa? Repudiamos a demissão do jornalista da Inter TV!

    ResponderExcluir
  4. Esse cara é um profissional do caralho! Disparado o melhor âncora que eu já vi na cidade! Uma cara novo com um talento da porra! Por diversas vezes eu pude ver o a competência profissional desse rapaz por de trás das câmeras. Mas não é bem como talento profissional que se faz política, né... Se a emissora foi bunda mole de ceder a pressão, Gonzaga só tem a ganhar, pois agora o nome e imagem dele ficam e evidência (mais ainda) e logo logo estará desempenhando um papel de maior grandeza. Para um ótimo profissional nunca falta emprego.

    ResponderExcluir
  5. Isso é o poder da política exercido sobre quem depende de veicular anúncios para faturar. Se veicular matéria contra eles, não anunciam e boicotam as verbas para a emissora. E nesse caso pegaram o apresentador como bode expiatório... Política podre e maquiavelista, tentando impedir que o povo saiba dos seus podres e desvios do dinheiro público. O Jornalista Luiz Gonzaga Neto,é um dos melhores apresentadores que temos na região. Estamos solidários com esse profissional e contra essa política podrre que impera na nossa cidade!

    ResponderExcluir
  6. Por que vocês da imprensa campista não dão início a uma abaixo - assinada que resuma a situação ocorrida e seja assinada por toda a população, para que assim possam encaminhar à órgãos competentes?

    ResponderExcluir
  7. Vamos nos mobilizar enquanto sociedade civil, fazendo um abaixo-assinado que especifique a situação ocorrida e encaminhar para os órgãos competentes da imprensa regional!

    ResponderExcluir
  8. isto é UMA VERGONHA PARA CIDADE DE CAMPOS ENTRA PREFEITO SAI PREFEITO CONTINUA A MESMA VERGONHA

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget