sexta-feira, 17 de maio de 2013

Imagens da oficina com Gerson Dudus

Registro do jornalista Gerson Dudus, que ministrou na noite de quarta-feira (15), uma oficina sobre Jornalismo Literário, no Uniflu/Fafic.




Fotos: Vitor Menezes e Nelzimar Lacerda

quinta-feira, 16 de maio de 2013

Semana da Imprensa chega ao fim

José Cunha participará do projeto "Memória AIC" 

Há uma semana, estudantes de jornalismo e profissionais da imprensa estão tendo a oportunidade de compartilhar experiências e de participar de momentos de lazer. Tudo por conta da 23ª Semana da Imprensa, evento promovido pela AIC.  Nesta quinta-feira (16), haverá a mesa "Jornalismo Literário na terra de José Cândido de Carvalho", com a presença das jornalistas Gisele Borba (TV Record) e Lívia Nunes (Folha da Manhã). O encontro, moderado pelo professor Orávio de Campos Soares, será no curso de Jornalismo do Uniflu/Filosofia (sala 220), às 19h e aberto ao público em geral.

José Cunha Filho - Encerrando a programação, a Associação recebe nesta sexta (17), o jornalista José Cunha Filho, que participará da gravação do projeto "Memória AIC". O trabalho será feito no estúdio de TV do curso de Jornalismo. O homenageado nasceu em Campos, atua desde os anos 60 e tem um vasto currículo.

Foi produtor e editor de jornalismo da antiga TV Norte Fluminense; correspondente dos jornais ‘Estado de São Paulo’, ‘Agência Estado’ e do ‘Jornal do Brasil’. Foi editor-geral dos jornais ‘A Notícia’, ‘Folha da Manhã’ e ‘A Cidade’. Escreveu durante 25 anos uma coluna de humor e informações gerais e também acumula experiência em assessoria de imprensa. Poeta, fotógrafo, cineasta e cronista, é membro da Academia Campista de Letras e tem vários livros publicados. O mais recente é o romance “Lá, Onde o Vento Faz a Curva”.

Tradicionalmente realizada pela AIC, a Semana da Imprensa geralmente acontece entre o final de maio e início de junho, pois foi criada em homenagem ao Dia da Imprensa (1º de junho). No entanto, devido ao feriadão de Corpus Christi (30 de maio), a diretoria da Associação decidiu antecipar o evento, que este ano teve como tema o "Jornalismo Literário". 

terça-feira, 14 de maio de 2013

Mesa Jornalismo em Quadrinhos em fotos de Paula Vigneron

Registros da Mesa Jornalismo em Quadrinhos, com Cássio Peixoto e Adriano Ferraiuoli, no Curso de Jornalismo do Uniflu - Filosofia, na segunda-feira, 13 de Maio de 2013. Fotos de Paula Vigneron.













segunda-feira, 13 de maio de 2013

'Cine Jornalismo' nesta terça na Semana da Imprensa


Com o tema "O Jornalismo Literário na terra de José Cândido de Carvalho", a Associação de Imprensa Campista (AIC) apresenta nesta terça-feira (14), o projeto "Cine Jornalismo", na programação da 23ª Semana da Imprensa. A exibição de “Diário de um jornalista bêbado” será no curso de Jornalismo do Uniflu-Fafic, às 19h, mas a entrada é aberta ao público em geral. Após o filme haverá um bate-papo com a jornalista Gisele Borba.

Baseado no romance de Hunter S. Thompson, o filme conta a improvável história do jornalista itinerante Paul Kemp (Johnny Depp). Cansado da vida frenética de Nova Iorque e das convenções morais de uma América conservadora, ele viaja à bela ilha de Porto Rico, para trabalhar em um jornal local, administrado pelo tirânico Lotterman (Richard Jenkins). Adotando o ritmo calmo do lugar, Paul se apaixona por Chenault (Amber Heard), noiva de Sanderson (Aaron Eckhart), um dos maiores empresários da cidade. Ganancioso, Sanderson planeja converter Porto Rico num paraíso do capitalismo. Quando Kemp é recrutado por Sanderson para escrever um artigo favorável a respeito de sua nova e corrupta empreitada, ele é confrontado com um dilema: deve ajudar o empresário, ou aceitar os riscos e aproveitar para denunciá-lo?

O evento - A Semana da Imprensa é um evento tradicional em Campos, mas é a primeira vez que acontece de modo temático. Segundo o presidente da AIC, Vitor Menezes, a escolha pelo jornalismo literário se deu em razão do crescente interesse de jornalistas e estudantes de jornalismo sobre esta linguagem. O evento segue com programação diária até a próxima sexta-feira (17). Veja tudo o que está programado aqui.

sábado, 11 de maio de 2013

quarta-feira, 8 de maio de 2013

Release: Semana da imprensa será aberta nesta sexta-feira (10) em Campos

A Associação de Imprensa Campista (AIC) promove a partir da próxima sexta-feira (10), a 23ª Semana da Imprensa. A novidade é que a partir deste ano, a programação será temática. "O Jornalismo Literário na terra de José Cândido de Carvalho" é o assunto da vez. A escolha desse tema se deu em razão do crescente interesse de jornalistas e estudantes de jornalismo sobre esta linguagem. “E nada mais justo do que homenagear José Cândido, mais conhecido como escritor, mas que também foi um jornalista, autor de perfis brilhantes, que é um tipo de jornalismo literário”, explica o presidente da AIC, Vitor Menezes.

O calendário de atividades começa sexta (10), às 11h, na TV Record, onde os meninos assistidos pela Casa do Pequeno Jornaleiro vão conhecer as etapas de produção de uma reportagem. Além de ser um momento de integração entre os jornalistas e comunidade interessada em jornalismo, a Semana da Imprensa tem se tornado também um evento de formação, com reflexões e debates sobre a profissão. Por isso é que a maior parte das atividades acontece no curso de Jornalismo do Uniflu/Fafic.

Na noite de segunda-feira, o destaque é a mesa “A linguagem dos quadrinhos no Jornalismo”, na Fafic, com Cássio Peixoto e Adriano Ferraiuoli. Às 22h, acontece o V Balada Curta (mostra de produção de curtas, Noite do Vinil, Microfone Aberto, Coxinha Gordurosa em show acústico), no Bar Dona Baronesa. A edição do Cine Jornalismo de maio acontecerá também na Fafic, terça-feira (14), com “Diário de Um Jornalista Bêbado”, seguido de bate-papo com a jornalista Gisele Borba.

Outra novidade é o lançamento da campanha de apoio ao projeto de lei (de iniciativa popular) da Mídia Democrática, que tem por finalidade, regulamentar os artigos 5, 21, 221, 222, 223 da Constituição, visando ampliar a liberdade de expressão. Durante as atividades da Semana, serão coletadas assinaturas para o projeto, apoiado por diversas entidades dos movimentos sociais.

Também constam na programação, oficina de Jornalismo Literário com o professor Gerson Dudus; mesa sobre Jornalismo Literário com Gisele Borba e Lívia Nunes e mais uma edição do projeto “Memória AIC”, desta vez com o jornalista, cronista e escritor, José Cunha Filho, que também é imortal da Academia Campista de Letras (ACL).

 

PROGRAMAÇÃO COMPLETA  
        

Sexta, 10/05/13

11h - Visita dos meninos da Casa do Pequeno Jornaleiro à TV Record
Local: TV Record                                         

Sábado, 11/05/13

15h - Imprensa Pelada
Local: Folha Seca

Segunda, 13/05/13

19h – Lançamento da Campanha em apoio do Projeto de Lei da Mídia Democrática
Local: Curso de Jornalismo do Campus II do Uniflu (Filosofia) - Sala 220

19h15 - Mesa: A linguagem dos quadrinhos no Jornalismo
Expositores: Cássio Peixoto e Adriano Ferraiuoli
Moderador: Vitor Menezes
Local: Curso de Jornalismo do Campus II do Uniflu (Filosofia) - Sala 220

22h - V Balada Curta
Mostra de produção de curtas, Noite do Vinil, Microfone Aberto, Coxinha Gordurosa em show acústico.
Local: Bar Dona Baronesa

Terça, 14/05/13

19h - Cine Jornalismo AIC
Filme: Diário de Um Jornalista Bêbado
Comentários: Gisele Borba
Local: Curso de Jornalismo do Campus II do Uniflu (Filosofia) - Sala 220

Quarta, 15/05/13

19h - Oficina de Jornalismo Literário com o professor Gerson Dudus
Local: Curso de Jornalismo do Campus II do Uniflu (Filosofia) - Sala 220

Quinta, 16/05/13

19h - Mesa: Jornalismo Literário na terra de José Cândido de Carvalho
Expositoras: Gisele Borba e Lívia Nunes
Moderador: Orávio de Campos Soares
Local: Curso de Jornalismo do Campus II do Uniflu (Filosofia) - Sala 220

Sexta, 17/05/13

19h - Memória AIC com o Jornalista José Cunha Filho
Local: Curso de Jornalismo do Campus II do Uniflu (Filosofia) - Estúdio de TV

-------------------------------------------

Contatos: Fale a AIC.

segunda-feira, 6 de maio de 2013

PROGRAMAÇÃO DA 23ª SEMANA DA IMPRENSA

PROGRAMAÇÃO DA 23ª SEMANA DA IMPRENSA 

Primeira edição temática: "O Jornalismo Literário na terra de José Cândido de Carvalho"

Sexta, 10/05/13

11h - Visita dos meninos da Casa do Pequeno Jornaleiro à TV Record 
Local: TV Record
                                                                                                                                                                      
Sábado, 11/05/13

15h - Imprensa Pelada - Futebol dos coleguinhas
Local: Folha Seca

Segunda, 13/05/13
19h – Lançamento da Campanha em apoio ao Projeto de Lei da Mídia Democrática
Local: Curso de Jornalismo do Campus II do Uniflu (Filosofia) - Sala 220

19h15 - Mesa: A linguagem dos quadrinhos no Jornalismo
Expositores: Cássio Peixoto e Adriano Ferraiuoli
Moderador: Vitor Menezes
Local: Curso de Jornalismo do Campus II do Uniflu (Filosofia) - Sala 220

22h - V Balada Curta
Mostra de produção de curtas, Noite do Vinil, Microfone Aberto, Coxinha Gordurosa em show acústico.
Local: Bar Dona Baronesa

Terça, 14/05/13
19h - Cine Jornalismo AIC
Filme: Diário de um Jornalista Bêbado 
Comentários: Gisele Borba
Local: Curso de Jornalismo do Campus II do Uniflu (Filosofia) - Sala 220

Quarta, 15/05/13
19h - Oficina de Jornalismo Literário com o professor Gerson Dudus
Local: Curso de Jornalismo do Campus II do Uniflu (Filosofia) - Sala 220

Quinta, 16/05/13
19h - Mesa: Jornalismo Literário na terra de José Cândido de Carvalho
Expositoras: Gisele Borba e Lívia Nunes
Moderador: Orávio de Campos Soares
Local: Curso de Jornalismo do Campus II do Uniflu (Filosofia) - Sala 220

Sexta, 17/05/1319h - Memória AIC com o Jornalista José Cunha Filho
Local: Curso de Jornalismo do Campus II do Uniflu (Filosofia) - Estúdio de TV

AIC apoia Projeto de Lei da Mídia Democrática




A Associação de Imprensa Campista (AIC) aprovou, em reunião de diretoria na noite da última sexta-feira (03/05/13), apoio a campanha de coleta de assinaturas em favor do Projeto de Lei da Mídia Democrática, lançado por diversas entidades dos movimentos sociais no dia 1º de Maio e liderada pelo Forum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC).

As atividades de coleta de assinaturas organizadas pela AIC vão começar durante a 23ª Semana da Imprensa, evento que a entidade realiza entre os próximos dias 10 e 17. Os participantes das mesas e oficinas serão convidados a assinarem o documento.

O projeto popular contém princípios afins aos propósitos estatutários da AIC, que defende a democratização dos meios de comunicação, a ampliação do acesso à informação, à pluralidade de vozes e manifestações políticas e culturais na mídia, a regionalização da produção e a valorização do conteúdo nacional.

Confira, abaixo, um resumo sobre a proposta elaborado pelos organizadores da Campanha. Mais informações em http://www.paraexpressaraliberdade.org.br/



Por uma lei da Mídia Democrática

+ Liberdade de Expressão, + Vozes, + Democracia, + Conteúdo Nacional, + Conteúdo Regional, + Ideias

Para construir um país mais democrático e desenvolvido precisamos avançar na garantia ao direito à comunicação para todos e todas. O que isso significa? Significa ampliar a liberdade de expressão, para termos mais diversidade e pluralidade na televisão e no rádio. Atualmente, temos poucas empresas familiares que controlam toda a comunicação do país, e isso é um entrave para garantir essa diversidade. Além disso, a lei que orienta o serviço de comunicação completou 50 anos e não atende ao objetivo de ampliar a liberdade de expressão, muito menos está em sintonia com os desafios atuais da convergência tecnológica. A Constituição de 1988 traz diretrizes importantes nesse sentido, mas não diz como alcançá-las, o que deveria ser feito por leis. Infelizmente, até hoje não houve iniciativa para regulamentar a Constituição, nem do Congresso Nacional, nem do governo.

Compreendendo que essa lei é fundamental para o Brasil, a campanha Para Expressar a Liberdade – uma nova lei, para um novo tempo, a partir da elaboração de diversas entidades do movimento social, lança este Projeto de Lei de Iniciativa Popular para regulamentar os artigos 5, 21, 221, 222, 223 da Constituição.

O QUE TEM EM CADA CAPÍTULO?

Capítulo 1: + Televisão, + Rádio
Define o que é comunicação social eletrônica e seus serviços (rádio e televisão aberta gratuita, rádio e TV digital, rádio e TV na internet não produzidas por usuários, por exemplo, webTV produzida por grupos de comunicação como UOL, Folha, Globo etc). Blogs e videos pessoais do youtube entre outros estão fora desta lei.

Capítulo 2: + Diversidade, + Cultura, + Brasil
Estabelece os princípios e objetivos da lei: promover a pluralidade de ideias e opiniões; fomentar a cultura nacional, a diversidade regional, étnico-racial, de gênero, classe social, etária e de orientação sexual; garantir os direitos dos usuários etc. Também regulamenta definição constitucional de que o sistema de comunicação deve ser dividido entre público, privado e estatal.

Capítulo 3: + Transparência, + Canais
Define as regras para ter uma licença de um serviço de comunicação, que passará a ser dada através de critérios transparentes e com audiências públicas. Proíbe o aluguel de espaços da grade de programação, assim como a transferência da licença. Também proíbe que políticos sejam donos de emissoras de rádio e televisão.

O projeto propõe uma nova forma de organização dos serviços – como já é feito em outros países – que está baseado no seguinte conceito: quem produz conteúdo não pode ser a pessoa (empresa) responsável pela distribuição. Assim, a infraestrutura e a gestão do sinal não serão controlados por quem faz os programas. Com isso, se busca aumentar a diversidade e a concorrência neste mercado.

Capítulo 4: Fim dos Monopólios 
Define as regras para impedir a formação de monopólio nos meios de comunicação, proibindo que um mesmo grupo econômico seja proprietário de rádios, televisões, jornais e revistas numa mesma localidade, com exceção dos pequenos municípios. Estabelece também quantas licenças de rádio e TV um mesmo grupo pode ter nacionalmente.

Capítulo 5: + Brasil na TV e no rádio, + Direito de antena
Reforça os princípios do Capítulo 2 e proíbe a censura prévia de conteúdos. Define o direito de antena para grupos sociais (horário gratuito em cadeia nacional, como têm os partidos políticos), o direito de resposta, a presença de conteúdo nacional e regional. Conteúdos que façam apologia ao discurso do ódio, da guerra, do preconceito de qualquer tipo não são permitidos. Garante a proteção da infância e adolescência.

Capítulo 6: + Participação Social na regulação
Define os órgãos do Estado que terão o papel de regular os serviços e serão os responsáveis por observar o cumprimento da lei. Também define como se dá a participação social na elaboração, debate e acompanhamento das políticas de comunicação para o país, com a criação do Conselho Nacional de Políticas de Comunicação.


quinta-feira, 2 de maio de 2013

AIC se solidariza a repórteres agredidos na apuração do Campos Folia

A diretoria da Associação de Imprensa Campista se solidariza e coloca a entidade à disposição para o apoio necessário aos repórteres que foram agredidos, no último dia 30, durante a apuração do Campos Folia, o Carnaval fora de época promovido pela Prefeitura de Campos dos Goytacazes.

De acordo com informações do site Ururau (aqui), os fotógrafos Carlos Grevi e Jocelino Rocha, mais conhecido como Check, além do cinegrafista da Inter TV, Gérson Gonçalo, foram agredidos por integrantes da Escola Madureira do Turfe, insatisfeitos com os resultados da apuração.

O assunto será pauta da reunião ordinária da diretoria na noite desta sexta-feira, dia 3 de maio, na sede da entidade.
Ocorreu um erro neste gadget